Educação e consciência são a chave para a preservação da cultura indígena no Brasil, defende índio pataxó

image_pdfImprimir notíciaimage_print

As comemorações alusivas ao Bicentenário da Independência do Brasil, seguem na programação do NasceCME e Academia NasceCME, afinal personalidades e talentos são o diferencial desse país.

Nosso entrevistado Tohõ Pataxó, líder da comunidade Pataxó Pedro Monte, localizada no Parque Nacional do Monte Pascoal no sul da Bahia, nos leva a muitas reflexões acerca da identidade brasileira, raiz do nosso país. Destaca-se nessa entrevista o aspecto relevante sobre a educação no Brasil, “A escola é a principal fonte de conhecimento, inclusive da cultura indígena. É preciso educar para que a população aprenda a respeitar costumes, culturas, florestas, espécies e o próprio ser humano.”

Sim, é preciso educar e todo cidadão brasileiro deveria se conscientizar da importância da educação para que tenhamos, um país, mais justo, livre de desigualdades e preconceitos de toda ordem. “Ser humano é viver em harmonia com a natureza. Não é destruindo a mãe terra”.  E por meio da educação poderemos atingir esse patamar de entendimento e de desenvolvimento incluindo o social.

Imprima sua noticia!

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Noticias Relacionadas

categorias

redes sociais